Notícias de Jequié e Região

Advogado de defesa envia nota a imprensa falando sobre acusação de golpe financeiro em Jequié

Nos últimos dias, o estudante de medicina Henrique Sepulveda teve seu nome envolvido
num suposto esquema de pirâmide financeira, onde é acusado de ter
lesado dezenas de pessoas e realizado operações que movimentaram
milhões de reais.
Diferente do quanto alegado pelas pretensas vítimas, Henrique jamais buscou captar investidores utilizando-se de meios ardilosos, tampouco
praticou qualquer ato com o dolo de lesar alguém,
Em sentido diverso, após se destacar e figurar no “Top 4” da plataforma
de operações binárias, IQoption, foi convidado por algumas pessoas
para atuar como gestor financeiro, atividade que desenvolveu por 02
anos e 07 meses, reinvestindo dinheiro de amigos e parceiros, e
obtendo lucros consideráveis.
Ocorre que, nos últimos meses, por intempéries do mercado financeiro
e oscilações naturais desses tipos de operações, a realidade do negócio
mudou e as negociações que eram extremamente lucrativas passaram
a apresentar perdas consideráveis.
Nesse contexto, Henrique passou a ser visto como vilão e é agora acusado por seus antigos parceiros comerciais, de cometer diversos crimes. A defesa esclarece ainda que o acusado prestou as informações pertinentes à autoridade policial, se colocando à disposição para novos esclarecimentos, abrindo mão, ainda, de seus sigilos, fiscal, telefônico e bancário. Informa também que disponibilizará os demais celulares, computadores e todo o material que a Polícia Civil entender pertinente para elucidação dos fatos. Sustenta que o vídeo, da forma que foi postado na matéria veiculada, é completamente fora de contexto, deixando margem para várias interpretações. Em razão das constantes ameaças que vem sofrendo e, para preservar a sua integridade física, acrescenta que se viu obrigado a mudar de endereço. Como prova das ameaças que vem sofrendo e do receio por sua segurança, encaminha seqüência de vídeos, extraídos das câmeras de segurança da Rua Escritora Maria Vitória Lopes, dando conta das
intimidações e ameaças que sofreu, quando teve seu veículo interceptado e foi sequestrado juntamente com sua namorada para um local deserto, onde ficou em poder de 4 homens por cerca de uma hora. Por fim, reafirma o seu compromisso em cooperar com o andamento
das investigações, as quais, confia, provarão sua inocência. 

Advogado João Rios

Escolhe Vacina? Prefeitura
Prefeitura Gabriela – VoltaAula

Comentários no Facebook:

Comentários

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.