Inadimplência pode fechar Fundação José Silveira em Itapetinga




 

CRISE E MÁ ADMINISTRAÇÃO

A situação de precariedade e a péssima gestão do Hospital Cristo Redentor, pela Fundação José Silveira é algo de conhecimento público. Recentemente em entrevista concedida em um programa de Rádio exibido aos sábados, o Dr. Sílvio Macedo colocou fim ao silêncio e trouxe ao conhecimento da população informações sobre a dívida da Fundação José Silveira oriundo do contrato de locação, assim como de contas de consumo de água e luz.

O valor dos aluguéis atrasados são superiores1,5 milhões de Reais. além do fato de existirem débitos com as empresas fornecedoras de água e luz.




Diante do exposto e com a proximidade da data de vencimento do contrato de locação entre as partes, considerando o quadro citado acima, a diretoria do Hospital Cristo Redentor publicou o chamamento para uma assembléia geral, para deliberação dos passos a serem tomados com o fim do contrato de locação. Abaixo publicação da convocação.

Existe uma ação em tramitação na justiça, onde a direção do HCR, solicita a desocupação das instalações por parte da Fundação José Silveira, com base de alegação sob o estado de inadimplência. Diante da persistência da situação a diretoria foi forçada a tomar providências.

A precariedade apresentada na administração da Fundação José Silveira, se dá em praticamente todos os âmbitos. Passando pela gestão financeira desastrosa, somado a deficiência no atendimento, passando pela falta de médicos, anestesistas, por submeter estes profissionais a períodos de até 6 meses sem receber o valor dos serviços prestados.

Em resumo, podemos dizer que aquele local é utilizado como fábrica de votos para o Deputado Federal Antônio Brito, que fez uma péssima escolha ao colocar na frente da administração um cidadão de caráter duvidoso, que tem gerado insatisfação em muitas pessoas na cidade e na região por sua falta de compromisso em cumprir acordos oriundos de campanhas políticas voltadas para o Deputado Antônio Brito.

Com o fim do contrato do contrato de locação, com data de vencimento para 1 de junho, antes mesmo de uma decisão da justiça quanto a ação de despejo, a diretoria do HCR pode voltar a assumir o comando do Hospital, dando um “bay bay”, para uma instituição que certamente não deixará saudade alguma aos itapetinguenses.

FONTE: CAFÉ NO BULE >> http://cafenobule.blog.br/itapetinga-inadimplencia-pode-determinar-o-fim-da-fundacao-jose-silveira-em-itapetinga/



Comentários no Facebook:

Comentários

Categoria: Boca no trombone