Incêndio deixa mais de 20 adolescentes mortos na Índia




 

Vítimas participavam de um curso preparatório que funcionava no prédio, segundo a imprensa indiana.

Mais de 20 adolescentes morreram, nesta sexta-feira (24), após um incêndio em um edifício comercial de Surat, na Índia. A imprensa indiana divergem sobre o número de vítimas: o “The Hindu” diz que 21 pessoas morreram, enquanto o “India Today” diz que foram 20.

Ainda segundo o “The Hindu”, as vítimas tinha entre 15 e 19 anos e se preparavam para um exame de arquitetura em um curso preparatório que funcionava no prédio.




A polícia da Índia informou que o incêndio começou por volta das 16h no horário local (7h30, em Brasília). As autoridades acreditam que um curto-circuito tenha provocado as chamas.

O fogo começou nos andares inferiores do edifício de quatro andares, e as labaredas logo chegaram aos pisos mais altos. Ainda segundo o “The Hindu”, as paredes e o teto do curso preparatório que funcionava dentro do centro comercial eram feitos de plástico.

A maior parte das vítimas morreu ao tentar subir para o último andar para tentar escapar das chamas. Porém, o incêndio chegou às escadas do prédio, e os jovens ficaram encurralados pelas labaredas.

Alguns dos adolescentes tentaram pular do prédio em chamas para se salvar. De acordo com o “The Hindu”, quatro morreram na queda. Testemunhas disseram haver cerca de 50 jovens no local onde funcionava o curso.

O primeiro-ministro reeleito da Índia, Narendra Modi, lamentou a tragédia nas redes sociais. “Extremamente consternado pelo incêndio em Surat. Meus pensamentos estão com as famílias destroçadas. Espero que os feridos se recuperem rapidamente”, afirmou.

FONTE: G1



Comentários no Facebook:

Comentários

Categoria: Mundo