Notícias de Jequié e Região

Professora é morta a facadas em Lajedo do Tabocal

Jequie Covid 1

A professora Viviane Aragão, deixou um filho de 12 anos, era natural da cidade de Maracás,  mas morava e trabalhava em Lajedo do Tabocal.

professora

Orlan Silva dos Santos, que assassinou a facadas, a professora Viviane Aragão, 32 anos,  está sendo transferido nesta sexta-feira (9/9),  para o Conjunto Penal de Jequié. O crime ocorreu na quinta-feira (8), na casa da vítima, no povoado de Baixa Grande, município de Lajedo do Tabocal. De acordo com a polícia, Orlan disse em depoimento que matou a professora porque ela o acusou de ter roubado o aparelho celular dele, que teria sumido próximo da escola municipal onde Viviane trabalhava. Poucas horas após o crime, que ocorreu por volta das 14h,  agentes da Polícia Militar capturaram o suspeito e o levaram para a delegacia de Lajedo do Tabocal, onde ele confessou o assassinato e revelou a motivação. Na manhã desta sexta-feira o autor do crime  foi encaminhado para a cidade de Itiruçu, de onde será trazido para o presídio de Jequié. A professora Viviane Aragão, deixou um filho de 12 anos, era natural da cidade de Maracás,  mas morava e trabalhava em Lajedo do Tabocal. O enterro da professora foi realizado nesta sexta, às 17 horas, em Maracás.

Comentários no Facebook:

Comentários

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.